Wallber diz ter sido provocado por Vitor Hugo durante show e manda recado: “Comigo é na bala”

O deputado estadual Wallber Virgolino usou a Tribuna da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) nesta terça-feira (12) para revelar ter sofrido provocações por parte do prefeito de Cabedelo, Vitor Hugo, após ter realizado fiscalizações no município na região metropolitana de João Pessoa. Ele aproveitou o discurso para mandar recado e avisar que resolveria suas diferenças com o gestor “na bala”.

Ainda na Tribuna, Wallber narrou a suposta ocorrência e disse que participava de um show no último sábado (9), na Domus Hall, onde também estava o prefeito de Cabedelo. Ao ver o deputado, Vitor Hugo teria supostamente se exaltado, precisando ter sido contido pela esposa e por um vereador de João Pessoa.

Ainda de acordo com o deputado, após retirar o prefeito do local, “um vereador de João Pessoa, amigo dele”, teria revelado que ele queria na verdade brigar com Wallber, que mandou recado para Vitor Hugo: “Eu não troco tapas com ninguém. Depois que perdi 51 quilos não tenho condições de trocar tapas com ninguém. Comigo é na bala”, reagiu.

Confira a declaração de Wallber:

O que diz Vitor Hugo

O prefeito de Cabedelo, Vitor Hugo, negou as acusações do deputado estadual e afirmou que prestou um boletim de ocorrência na Polícia Civil nesta terça-feira contra Wallber Virgolino (Patriota). A motivação, segundo o prefeito, seria temor pela própria vida após as supostas ameaças.

“Pinóquio já está famoso. Eu nem o vi no show. Chega a ser hilário. Ele está obcecado por Cabedelo ou por mim. Peguei a gravação e já fui na Delegacia prestar um boletim de ocorrência. Esse rapaz me ameaçou. Eu nunca ameacei ninguém”, afirmou o prefeito.

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.