Botafogo vence o Flamengo com grande público no estádio Mané Garrincha

Deu Fogão! Na manhã deste domingo (8), o Botafogo venceu o Flamengo por 1 a 0, no estádio Mané Garrincha, em Brasília (DF), pela quinta rodada do Brasileirão Assaí. O gol do clássico eletrizante foi marcado por Erison. Com o triunfo, o Alvinegro assume a quinta colocação, com oito pontos. O Rubro-Negro fica em 14º lugar, com cinco pontos.

O jogo

O Botafogo levou perigo aos 11 minutos. Lucas Fernandes ganhou dividida e chutou pela linha de fundo. O Flamengo respondeu aos 13 minutos, quando Willian Arão recebeu cruzamento de Arrascaeta e cabeceou firme. Gatito defendeu e a bola ainda bateu na trave. O Rubro-Negro voltou com perigo aos 23. Gabriel chutou na saída de Gatito e Cuesta cortou. Na sequência do lance, Gabriel balançou as redes pelo lado de fora.

O Fogão voltou ao ataque aos 40 minutos, quando Erison se livrou da marcação, chutou cruzado e Hugo colocou para escanteio. O Fla pressionou no fim do primeiro tempo. Aos 45, Bruno Henrique chutou forte pela linha de fundo. Quatro minutos depois, Bruno Henrique chutou com categoria e Gatito fez grande defesa.

O segundo tempo começou intenso. Aos cinco minutos, o Botafogo balançou as redes. Erison chutou forte da entrada da área e balançou as redes no Mané Garrincha. Aos oito, o Fogão quase fez o segundo. Tchê Tchê chutou de dentro da área e Hugo defendeu. O Fla respondeu no lance seguinte. Bruno Henrique finalizou forte e obrigou Gatito a fazer excelente defesa. O Rubro-Negro foi para cima em busca do empate. Aos 23, Gabriel arriscou da entrada da área e a bola foi pela linha de fundo. Aos 27, foi a vez de Everton Ribeiro tentar. O meia aproveitou sobra de escanteio e bateu de primeira da entrada da área. O Urubu seguiu no ataque e quase empatou com Lázaro, aos 34, que chutou colocado e parou em Gatito.

O time da Estrela solitária voltou ao ataque aos 41 minutos. Diego Gonçalves recebeu passe de Diego Gonçalves na área e chutou firme. Hugo evitou o segundo gol botafoguense. O Fla respondeu no minuto seguinte, em chute de Lázaro no canto, defendido por Gatito. Aos 50, Gatito brilhou novamente. Arrascaeta finalizou forte e Gatito defendeu. Na sequência, David Luiz cabeceou colocado e Gatito evitou o empate mais uma vez. No último lance, aos 52, David Luiz recebeu passe de Gabriel no meio da área, mas chutou por cima do gol.

 

IG

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.