Hospital de Coremas registra quase 500 atendimentos no plantão do final de semana

Hospital de Coremas registra quase 500 atendimentos no plantão do final de semana

Destaque Vale
Joaquim
12 de março de 2024
33
A Urgência e Emergência do Hospital e Maternidade Estevam Marinho, em Coremas, atendeu 222 pacientes entre a sexta-feira (8) até a meia-noite desse domingo (10). No ambulatório foram realizadas 268 consultas médicas. Somando os dois serviços, a unidade que integra a rede de saúde do Governo da Paraíba registrou 490 atendimentos no período.

Queixas de dores foram as ocorrências com maior número de casos, com 50 atendimentos, seguidas de pessoas com sintomas de síndrome gripal, com 31 casos, e quadros de diarreia, com 30 ocorrências. Mas houve ainda 23 atendimentos por febre alta, 16 com dengue, outros 16 casos de cefaleia, e 13 pessoas foram atendidas com crise nervosa.

Além disso, o hospital atendeu três casos de sinistros de trânsito com motos, dois casos de mordedura de animais, cinco casos de dificuldade de urinar, quatro casos de dispneia, dois de complicações por diabetes, três pessoas com crise hipertensiva, outras três com infecção, duas com mal-estar, outras duas com traumas por quedas, cinco com reação alérgica, uma com sangramento, três com tontura, quatro com traumas e três com vômitos.

Dos 222 atendimentos na urgência, 80 aconteceram na sexta-feira (8), 65 no sábado (9), e 77 no domingo (10). Das 268 consultas médicas no ambulatório, 97 aconteceram na sexta-feira, 79 no sábado e 92 no domingo. Nove pessoas precisaram ficar internadas após as consultas para observação e cuidados posteriores, por causa de diarreia, dengue, febre, gastroenterocolite aguda (diarreia recorrente), gripe e angina.

O Hospital de Coremas atua com serviços de urgência e emergência de baixa complexidade, clínica geral e também como maternidade e integra o Programa Opera Paraíba, com a realização de cirurgias de catarata.

 

Assessoria

Joaquim Franklin

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

You May Also Like!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.