Professor de matemática morto na frente da filha pode ter sido confundido com irmão

Professor de matemática morto na frente da filha pode ter sido confundido com irmão

Policial
Joaquim
14 de março de 2024
23

O professor de matemática Luecir Brito, 49 anos, pode ter sido morto por engano na frente da filha, próximo à uma escola no bairro José Américo, em João Pessoa. A informação foi antecipada em primeira mão ao Sistema Arapuan de Comunicação nesta terça-feira (12) pelo irmão da vítima, Licínio de Brito.

Ao programa 60 Minutos, o repórter Abnny Caetano, que entrevistou Licínio de Brito, deu detalhes sobre a matéria que vai ao ar, às 18h, com exclusividade no programa Rota da Notícia. Nela, Lícinio detalhou que havia alugado uma casa a ex-mulher do suspeito, o policial militar aposentado Antônio Francisco Sales, de 81 anos.

Ainda de acordo com Licínio de Brito ao repórter Abnny Caetano, o ato não teria agradado o policial militar reformado, que pode ter matado o professor de matemática por engano por inconformismo com a situação.

Joaquim Franklin

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

You May Also Like!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.