Reitor da UFPB reage a protestos de alunos: “Agem por interesses ideológicos”

O reitor da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Valdiney Gouveia, se pronunciou sobre o que aconteceu nesta sexta-feira (30), na reitoria da instituição, durante uma reunião do Conselho Universitário (Consuni). No local, estudantes, servidores e conselheiros entraram em conflito com os seguranças, que tentavam abrir espaço para a saída dele do local após a suspensão da reunião.

Os estudantes, os quais receberam apoio de outros 19 conselheiros, buscavam colocar em pauta um dossiê que pedia a destituição do reitor da universidade. Após ele dizer que a pauta seria tratada em uma outra data, a comunidade acadêmica não acatou a decisão, gerando discussão e pancadaria dentro do local. Quanto a isso, Valdiney destacou que as manifestações tinham interesse político-partidário e criticou os estudantes.

“Na essência, uma confusão com o embasamento ideológico, político e partidário. Algumas pessoas que, inclusive, ostentavam bonés, toalhas, camisetas. Uma afronta evidente num período eleitoral, nem poderia acontecer dentro de uma universidade. Inclusive, com agressões verbais, evidentes, mas agressões físicas também”, disse o reitor.

“O grupinho, repito, o grupinho que prega paz e amor, democracia… De democracia só aprendeu a soletrar, porque a prática, jamais. Nem de longe. Impossível respeitar qualquer cidadão ou qualquer cargo. São pessoas que agem por interesses estritamente pessoais, ideológicos. Esse povo que quer espaços, lamentavelmente”, continuou.

De acordo com o Centro Acadêmico (CA) Vladimir Herzog, do curso de Jornalismo, o Consuni aprovou a autoconvocação de uma Reunião Extraordinária para pautar o dossiê em questão. O reitor tem até 72 horas para marcar uma data, mas caso o prazo ultrapasse o limite, três representantes do Conselho marcará.

 

 

Leonardo Abrantes – MaisPB

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.