Guarda Civil é assassinado a tiros pelo próprio irmão na casa da mãe

Um Guarda Civil Metropolitano de Cabedelo, de 36 anos, foi morto a tiros na madrugada desta segunda-feira (13) na casa da mãe dele, em Heitel Santiago, em Santa Rita. O principal suspeito do crime é o irmão da vítima.

De acordo com informações, a vítima e o suspeito já se desentendiam frequentemente e durante a madrugada, eles teriam tido uma nova discussão e entraram em luta corporal. O homem, de posse da arma do irmão, atirou no Guarda.

As Polícias Militar e Civil foram acionadas. Até a publicação desta matéria o suspeito ainda não havia sido preso.

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.