Jovem sofre ameaça de morte nas redes sociais após denunciar padrasto por abuso sexual

Jovem sofre ameaça de morte nas redes sociais após denunciar padrasto por abuso sexual

Policial
Joaquim
8 de junho de 2024
45

Maria Rebeca Pinho da Silva, de 20 anos, sofreu ameaças de morte após denunciar o padrasto por abuso sexual quando ela tinha 9 anos de idade. Ela postou um vídeo em que relata o abuso sofrido pelo agora aposentado, ex-padrasto de 64 anos. Segundo a jovem, foi abusado até os seus 21 anos.

Quando o caso ganhou notoriedade, a jovem passou a ser vítima de graves ameaças através de suas contas em redes sociais. O advogado de Maria Rebaca falou sobre o caso e lamentou a situação vexatória ao qual a jovem foi exposta por internautas.

“No início de 2023 ela o denunciou [o acusado]. Daí então, sofremos com uma inercia injustificada da Delegacia de Polícia Civil que, estamos agora em junho de 2024 e o inquérito policial se quer foi concluído. Quase um ano e meio de inquérito policial sem uma conclusão. É uma situação extremamente lamentável, extremamente triste, mas nós confiamos que a Delegacia de Polícia Civil irá concluir o inquérito, irá denunciar e posteriormente, em série judicial, pugnaremos pela condenação do seu ex-padastro, para que este, ao rigor da lei, seja responsabilizado pelo crime que cometeu”, disse o advogado.

A jovem enviou prints das ameaças à imprensa local, que passou a denunciar os crimes contra a jovem. Uma das pessoas disse que está vigiando a jovem o tempo todo.

“Recentemente a jovem tomou coragem e abriu em suas redes sociais sobre os traumas, sobre tudo que passou durante esses anos e, por incrível que pareça, agora está sofrendo ameaças. Estão criando, ainda de identidade desconhecida, perfis falsos nas redes sociais e estão ameaçando de morte tanto ela, quanto a sua mãe”, finalizou o advogado da jovem.

 

 

Diário do Sertão

Joaquim Franklin

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

You May Also Like!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.