Mulher é morta a tiros na frente da filha de 5 anos de idade

Uma mulher identificada como Tatiana Patrício de Araújo, de 43 anos, foi assassinada com pelo ao menos três disparos de arma de fogo na noite deste sábado (08) em sua residência que fica localizada no sítio Berlim, na zona rural de Uiraúna, na região de Cajazeiras.

Segundo a Policia Militar, as informações dão conta de que dois meliantes teriam chegado em uma moto e chamado a vítima, e ao sair para atender, ela foi alvejada com um tiro na boca, outro no braço direito e um ao lado esquerdo do abdômen.

A PM foi acionada e ao chegar no local se deparou com a cena do crime. Conforme os policiais, a porta superior estava aberta e a mulher caída no meio da sala completamente ensanguentada, e sua filhinha de apenas 5 anos de idade ao lado do corpo.

Toda a casa estava fechada e como o local do crime não pode ser violado até a perícia ser feita, um irmão da vítima subiu pelo telhado e abriu a porta da cozinha para retirar a criança do local.

Os policiais militares isolaram o local até a chegada da perícia. O SAMU compareceu e constatou o óbito. Após a perícia no local do crime, o corpo foi removido ao IPC da cidade de Cajazeiras para realização da necrópsia.

A polícia disse que vizinhos não souberam informar sobre a autoria, apenas relataram que ouviram o barulho de uma moto após os tiros, no entanto, também não tiveram informações sobre que rota os meliantes teriam seguido.

Até o fechamento desta matéria ninguém foi preso. A Polícia Civil investiga o caso.

A MOTOCICLETA USADA NO CRIME

A PM entrou em diligências e constatou que o veículo havia sido abandonado a cerca de 1 km do local onde ocorreu o homicídio. Segundo a polícia, após consulta no sistema, foi verificado que a motocicleta tem restrição de roubo/furto. Conforme os dados, a moto foi tomada por assalto no último dia 25 de setembro também na zona rural de Uiraúna.

O veículo foi conduzido ao pátio da 2ª CIA em Uiraúna e encontra-se à disposição da Justiça.

 

 

 

Diário do Sertão

Joaquim Franklin

Formado em jornalismo pelas Faculdades Integradas de Patos-PB (FIP) e radialista na Escola Técnica de Sousa-PB pelo Sindicato dos Radialistas da Paraíba.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.